24/11/2011

Capitalismo e tecnologias: implicações para o trabalhador


A acelerada mudança em todos os  níveis da humanidade nos leva a ponderar sobre o fato de que as transformações econômicas, políticas e sociais são irreversíveis  e as exigências do mundo moderno trazem conseqüências que nem sempre se  pode prever. O trabalho tornou-se central  nas nossas vidas, o capitalismo globalizou-se e as tecnologias trouxeram um avanço tecnológico sem igual. (...)   Será possível afirmar que as tecnologias criam um novo tempo, um  novo modo de produção, um novo trabalhador e sociedade?  As tecnologias são neutras, ou degradam o trabalhador e estão a serviço do capitalismo  contribuindo para sua globalização?  Para compreender melhor estas e outras questões acesse o link  abaixo que remeterá a página da revista eletrônica Interciência e Sociedade onde o artigo está na íntegra.
http://www.fmpfm.edu.br/intercienciaesociedade/arquivos/capitalismo_e_tecnologias.pdf